Sense Bike anuncia compra da Swift Carbon Global

A Sense Bike, fabricante nacional de bicicletas, acaba de anunciar a compra da marca Swift Carbon Global, empresa Sul Africana de bicicletas e especializada no desenvolvimento de quadros em fibra de carbono.Segundo Henrique Ribeiro, CEO da Lagoa Participações – grupo que controla a Sense Bike, a compra chega para colocar a marca nacional em um novo patamar de tecnologia e desenvolvimento.

“Acreditamos em um mundo sem limites geográficos, em especial no ciclismo. Continuaremos disputando com dedicação o mercado nacional, que tem nos prestigiado muito e iniciamos agora a presença também no mercado mundial”, explicou Henrique.

O CEO ainda afirma que, nos próximos anos, o investimento deve atingir a casa dos 20 milhões de dólares, algo que promete gerar mudanças tanto para a Sense quanto para a Swift.

Mercado nacional e internacional

Com a aquisição, a Sense terá a oportunidade de comercializar seus modelos de alumínio nas dezenas de países onde a Swift já está presente. Além disso, a compra da Swift pela Sense promete resultar em produtos melhores para o mercado nacional e mais competitividade dentro e fora do Brasil.

“Com esta aquisição entramos de corpo e alma no universo da fibra de carbono, desde a engenharia de materiais até o desenvolvimento de produtos de alta performance. Damos, portanto, um salto importante em termos tecnológicos, o que gerará reflexos positivos em toda nossa produção, tanto para o mercado nacional quanto no exterior”, afirmou o CEO.

Segundo ele, a unidade fabril da Sense em Manaus está em processo constante de aprimoramento e, no futuro, dependendo da viabilidade, pode até receber a produção de quadros de fibra de carbono.

Sense Bike anuncia compra da Swift Carbon global

Além disso, a Swift receberá uma injeção de recursos provenientes da Sense, o que resultará em maiores investimentos no desenvolvimento de produtos em fibra de carbono – algo de extrema importância em mercados cada vez mais competitivos e sedentos por novidades.

Segundo Henrique, a partir deste ano, as marcas estarão presentes nas principais feiras de bike, com a Swift participando da Eurobike em julho, na Alemanha e da Taipey Cycle Show, em outubro. Já a Sense estará no Shimano Fest, que acontecerá em setembro, em São Paulo. Para 2019 a Sense avalia uma possível cooperação e integração nestes eventos.

Perspectiva de crescimento

Ano após ano, a Sense Bike vem aumentando sua linha de produtos e seu volume de vendas. Segundo Henrique Ribeiro, a variedade de modelos cresceu 150%, enquanto as vendas aumentaram cerca de 80% nos últimos três anos.

De acordo com o CEO da Lagoa Participações, o uso de bicicletas deve crescer de forma consistente nas próximas décadas no mundo todo. Com isso, a paixão por bicicletas presentes no DNA de ambas as marcas significa uma grande possibilidade de crescimento.

“Com sonhos e desafios semelhantes, a parceria entre Sense Bike e Swift começou em 2016 e se ampliou até a concretização deste momento. Acreditamos que nos próximos 20 anos cresceremos a 2 dígitos, aproveitando o crescimento do mercado mundial e as nossas estratégias de expansão”, afirmou.

“Ganhamos em tecnologia; ganhamos em força de competição; ganhamos em diversidade de mercado. Mas trabalharemos ainda mais para celebrar conquistas maiores nos próximos anos”, finalizou.

Desenvolvimento e tecnologia no esporte

Atualmente, a Sense Factory Racing figura entre as principais equipes de MTB do Brasil, com resultados extremamente expressivos em competições nacionais e internacionais. Por ela, correm atletas como o olímpico Rubens Valeriano e Guilherme Muller na elite, Mario Couto na Sub-23 e Giuliana Morgen, atual campeã Pan-Americana de MTB XCO na Juvenil.

Além disso, a marca ainda aposta nos talentos Thiago Vinhal e Clara Carvalho no triathlon e Rafael Juriti em competições de triathlons off-road. Já a Swift está mais focada no WTS (World Triathlon Series), onde tem um dos principais astros desse esporte.

Henri Schoeman, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e vencedor do mundial de WTS em Abu Dhabi em 2018 e o Commonwealth Games 2018, na Austrália, é um dos atletas que correm pela Swift, fabricante que já patrocinou equipes como Drapac, NFTO e BCX.

A união entre as marcas significa uma importante troca de conhecimento entre atletas e staff, além da possibilidade de desenvolvimento de produtos sempre atualizados, o que, certamente, é muito importante para os amantes do ciclismo e para o mercado como um todo.

Foto capa: Bruno Senna