Elia Viviani disse que a derrota na Gent-Wevelgem 2018 para Peter Sagan foi a pior da carreira

Elia Viviani disse que a derrota na Gent-Wevelgem 2018 para Peter Sagan foi a pior da carreira

Nesse último domingo, 25 de março, rolou a prova belga Gent-Wevelgemreunindo alguns dos melhores ciclistas da atualidade para disputar os 251 km de prova.

Elia Viviani da Quick-Step Floors que era um dos favoritos para chegar bem no sprint final e vencer a prova ficou extremamente desapontado com o desenrolar do dia.

“Esse foi o dia da minha derrota mais desapontante e triste de toda minha carreira”. Disse Viviani.

Viviani que está no auge da sua carreira com 29 anos não foi rápido o bastante para vencer Peter Sagan, que consequentemente foi o campeão da prova. Sagan se encaixou bem do lado esquerdo que estava mais aberto enquanto Viviani estava a direita e demorou para sair e abrir caminho na hora do sprint.

Com muita raiva, o italiano bateu no guidão como todo atleta faz na hora da derrota, mas após isso o ciclista caiu em lágrimas sentado no chão lamentando o dia.

“Eu gosto de ter a responsabilidade dos resultados, mas quando eu perco depois que os caras da equipe fazem um trabalho perfeito, a decepção chega”, disse Viviani. “Gilbert e Yves me puxaram para a frente. Stybie me colocou em perfeita posição. Niki me protegeu o dia todo. Sinto por isso”. Finalizou o atleta.

Photo: Andrew Hood | VeloNews

COMPARTILHE

Comente