Cape Epic 2018 – Jaroslav Kulhavy e Howard Grotts venceram na geral com quase 10 minutos de vantagem

Cape Epic 2018 – Jaroslav Kulhavy e Howard Grotts venceram na geral com quase 10 minutos de vantagem

Após 8 dias de prova, 658km de distância e mais de 13mil metros de acumulo de subidas, se foi mais uma edição da Cape Epic, uma das maiores ultramaratonas de MTB do planeta.

Foram mais de 1300 atletas que enfrentaram o calor, subidas insanas e singles para ninguém botar defeito, em uma corrida que atrai tanto o elite do MTB quanto o ciclista amador que leva mais a sério.

E quem venceu a Cape Epic 2018 foi Jaroslav Kulhavy e Howard Grotts da equipe Investec Songo Specialized, com um total de 25h e 29min de prova. Ficando quase 10 minutos a frente da equipe segunda colocada.

Os dois atletas da Specialized trabalharam muito bem como dupla e como parceiros realmente, e buscaram o resultado através da consistência ao decorrer da prova, onde foram crescendo a partir da segunda etapa, buscando e tirando tempo das outras duplas.

O resultado dos 3 primeiros colocados da geral ficou da seguinte forma:

• Investec Songo Specialized 2-1 Jaroslav Kulhavy (CZE) 2-2 Howard Grotts (USA) 25:29.48,9

• Canyon Topeak 7-1 Alban Lakata (AUT) 7-2 Kristian Hynek (CZE) 25:39.27,4 +9.38,5

• Cannondale Factory Racing 6-1 Manuel Fumic (GER) 6-2 Henrique Avancini (BRA) 25:43.01,8 +13.12,9

Este foi o 15º ano da Cape Epic, onde os pilotos devem permanecer dentro de dois minutos um do outro em todos os momentos durante a corrida ou então eles podem ser penalizados por uma hora. O conceito da equipe é necessário para a segurança, uma vez que a corrida viaja por áreas remotas com terreno extenuante.

Grotts e Kulhavy ganharam $ 17,082 pela vitória geral e um adicional de $ 854 para vitórias em dois estágios.

Grotts disse que deu tudo que tinha para ficar com Kulhavý nos estágios iniciais, mas suas habilidades de escalada de elite brilharam durante a semana. Isso ficou evidente no último estágio no domingo.

“Nos primeiros dias, eu estava me esforçando muito, mas as coisas mudaram nos últimos dias”, disse Grotts após a corrida. “Senti-me à vontade nas subidas e estou feliz com o modo como as coisas funcionaram para nós.”

COMPARTILHE

Comente