Henrique Avancini melhora marca pessoal e sobe ao topo do pódio por equipes da Copa do Mundo de MTB

Henrique Avancini melhora marca pessoal e sobe ao topo do pódio por equipes da Copa do Mundo de MTB

O Brasil foi muito bem representado em Stellenbosch, África do Sul, neste sábado, 10 de março. Henrique Avancini largou na primeira fila, puxou o pelotão no início da prova e andou sempre os primeiros para garantir uma inédita oitava colocação em uma etapa da Copa do Mundo UCI MTB XCO.

No ano passado, o atleta fluminense ficou na quinta posição do ranking global da categoria XCO, conquistou um incrível top 4 no Campeonato Mundial de MTB, além de um top 10 na etapa de Andorra da UCI World Cup. Já na primeira grande competição do ano de mountain-bike, um esporte essencialmente individual, brilharam as estrelas do Henrique e da equipe Cannondale.

“O grande ponto do dia foi conquistar título por equipes. A Cannondale Factory Racing sempre buscou isso. Já ficamos em segundo lugar algumas vezes. Todos trabalham coletivamente, desde a pré-temporada, na escolha de equipamentos. Essa vitória tem um valor sentimental enorme. São poucas as equipes que não focam apenas em indivíduos”, comenta Avancini.

Mesmo em um circuito travado e de velocidade média relativamente baixa, que não favorece o estilo de pilotagem do brasileiro, ele conseguiu imprimir um ritmo consistente e se diz muito feliz não só com o resultado histórico para o país, mas também por ter construído uma boa forma na pré-temporada.

“Fiz uma prova sólida, consistente, mas não me senti tão bem assim. Acho que na forma que estou, poderia ter obtido um resultado até melhor. E agora tenho que continuar solidificando isso para me manter sempre no top 10. Mas estou muito feliz e grato com essa nova marca pessoal e para o Brasil”, conclui o atleta.

No próximo domingo, dia 18 de março, o piloto encara o Cape Epic, também na África do Sul.

Foto destaque: Craig Kolesky/Red Bull Content Pool

COMPARTILHE

Comente