“Será uma má notícia para o ciclismo se Chris Froome não estiver no Tour de France” Disse Richie Porte

“Será uma má notícia para o ciclismo se Chris Froome não estiver no Tour de France” Disse Richie Porte

Ciclismo sairá perdendo se Chris Froome não estiver na linha de largada do Tour de France de 2018 em Noirmoutier-en-l’Île no dia 7 de julho, de acordo com o amigo e rival Richie Porte.

Falando depois de terminar em segundo lugar no Tour Down Under no domingo, Porte disse que estava ansioso por outra oportunidade no Tour depois de sair em 2017 e que haveria outros rivais a assumir, se o resultado de uma investigação antidoping de Froome fosse positiva e ele não podesse começar em julho.

“Ainda há muita água que correr”, foi a resposta de Porte quando perguntado pelo jornal francês L’Equipe se achasse que Froome seria capaz de participar do Tour de France em julho.

“Não será bom para o ciclismo se o campeão defensor não estiver lá, mas sempre haverá outros adversários, começando com Romain Bardet, e Vincenzo Nibali, que já ganhou quase tudo”.

Froome está atualmente sob investigação depois de entregar uma descoberta analítica adversa para altos níveis de salbutamol na Volta a Espanha 2017, mas não foi suspenso devido à natureza da substância, aumentando a possibilidade de que ele possa competir com a investigação ainda em andamento.

Porte também revelou que seguirá um programa de corrida diferente em preparação para o Tour, correndo o Tour de Suisse e Tirreno-Adriatico em vez do Critérium du Dauphiné e Paris-Nice, onde lutou com o vento e a chuva em 2017.

Crédito foto: Sunada

COMPARTILHE

Comente