Tour de France 2017 – Fabio Aru vence etapa 5 com ataque mortal na última subida

Tour de France 2017 – Fabio Aru vence etapa 5 com ataque mortal na última subida

Fabio Aru (Astana) conquistou sua primeira vitória no Tour de France 2017 em La Planche des Belles Filles. Chris Froome (Team Sky) agora é líder na classificação geral.

Focus Cayo Ultegra

Aru estava bem focado no Tour de France 2017 depois que uma lesão no joelho que o deixou fora do Giro d’Italia 2017, e ele mandou ver nessa quinta etapa ao se separar do grupo principal na subida íngreme a 2 km da linha. Dan Martin (Quick-Step Floors) acelerou longe do grupo de perseguição para ocupar o segundo lugar, 16 segundos depois de Aru, enquanto Froome terminou em terceiro.

“Estou incrédulo; entreguei tudo no ataque final, quis ver o que o Team Sky tinha para mostrar já que estavam acelerando”, disse o vencedor todo orgulhoso.

Apesar de inclinações com altas porcentagens – uma média de 8,5% com muitas inclinações de dois dígitos – La Planche des Belles Filles é uma curta subida de pouco menos de seis quilômetros e se mostrou uma régua de indicação da boa forma dos atletas.

Nairo Quintana (Movistar) ficou para trás quando Froome acelerou atrás de Aru faltando menos de 2 km para terminar. Assim como Alberto Contador (Trek-Segafredo) e Geraint Thomas (Sky). Na verdade, apenas Dan Martin, Richie Porte (BMC) e Romain Bardet (AG2R La Mondiale) conseguiram se segurar atrás de Froome.

Com esse resultado, Chris Froome agora veste a camisa amarela de líder. “É uma sensação incrível vestir de novo essa camisa, sei que a corrida está longe de terminar mas minha equipe ocupa ótima posição e estamos confiantes”, disse o líder.

Como a etapa se desenrolou

A desqualificação de Peter Sagan ainda ecoava na manhã da quinta etapa do Tour de France 2017. Enquanto Sagan se justificava em um comunicado, Cavendish dava entrevista no ônibus da Dimension Data. Esse era o assunto do dia.

Logo no começo da quinta etapa, a separação veio com Thomas Voeckler (Direct Energie) e mais sete ciclistas: Jan Bakelants (AG2R La Mondiale), Mickael Delage (FDJ), Edvald Boasson Hagen (Dimension Data), Dylan van Baarle (Cannondale-Drapac), Pierre-Luc Perichon (Fortuneo-Oscaro), Philippe Gilbert (Quick-Step Andares) e Thomas De Gendt (Lotto Soudal).

Essa separação começou a abrir uma vantagem, mas a BMC logo chegou à frente, claramente interessada em fazer Porte vencedor dessa etapa.

BMC continuou firme na liderança, e com 12 km para terminar, Gilbert decidiu lançar o dado. Ele conseguiu liderar até o início da subida da Planche des Belles Filles, altura em que o Sky assumiu a frente da subida.

O primeiro ataque real e bem sucedido foi de Aru com apenas 2,3 km da linha. Em reação, Simon Yates acelerou com Froome e Porte juntos com ele. O incrível foi ver Quintana e Contador ficando para trás.

Confira no vídeo os melhores momentos e a lista dos principais resultados:
1 Fabio Aru (Ita) Astana Pro Team 3:44:06
2 Daniel Martin (Irl) Quick-Step Floors 0:00:16
3 Christopher Froome (GBr) Team Sky 0:00:20
4 Richie Porte (Aus) BMC Racing Team
5 Romain Bardet (Fra) AG2R La Mondiale 0:00:24
6 Simon Yates (GBr) Orica-Scott 0:00:26
7 Rigoberto Uran (Col) Cannondale-Drapac
8 Alberto Contador (Spa) Trek-Segafredo
9 Nairo Quintana (Col) Movistar Team 0:00:34
10 Geraint Thomas (GBr) Team Sky 0:00:40

COMPARTILHE

Comente