Favoritos ao título do Criterium du Dauphine 2017

Favoritos ao título do Criterium du Dauphine 2017

De 4 a 11 de junho acontece o Criterium du Dauphine 2017 e aqui estão alguns nomes que você precisa ficar de olho nessa competição.

Esteban Chaves (Orica-Scott)

Após uma temporada sensacional em 2016, Chaves viu sua estreia na temporada 2017 ser adiada por causa de uma lesão no joelho. Por não ter competido desde então, é difícil prever o seu desempenho no Dauphiné mas ele sempre será um ciclista notável e cheio de surpresas.

Andrew Talansky (Cannondale-Drapac)

Será que a carreira brilhante de Talansky foi retomada? O ciclista americano admitiu querer se aposentar em breve. Ele não participou da temporada de 2016 mas em 2017 ele voltou à estrada com bons resultados. O Dauphine pode ser uma boa corrida para vermos como anda sua forma.

Chris Froome (Team Sky)

Froome venceu as duas últimas edições do Dauphiné e as duas últimas edições do Tour. Ele é o grande favorito para vencer novamente, se não se lesionar, claro.

Nacer Bouhanni (Cofidis)

Ele tem se dado bem no Dauphine nos últimos anos, apesar de ter a carreira manchada por acidentes e confusões. A Cofidis aposta alto em Bouhanni após seu desempenho memorável na FDJ até 2014.

Fabio Aru (Astana)

Aru teve o joelho lesionado em abril e ficou de fora de grandes provas como o Giro D’Italia, por isso o Dauphine foi logo adicionado em seu cronograma. O ciclista não compete desde o Tirreno-Adriatico de março então seu desempenho ainda é um grande ponto de interrogação.

Alejandro Valverde (Movistar)

Valverde é um campeão de etapas nato. Ele já conquistou o título em Dauphiné duas vezes. Ele está na sombra de Quintana e talvez agora seja hora de reverter isso e conquistar suas próprias ambições.

Leopold König (Bora-Hansgrohe)

König teve uma péssima estreia com a Bora-Hansgrohe. Sua ambição era o Giro D’Italia mas foi deixado de fora por causa de uma lesão no joelho. Após meses de recuperação, ele parece estar bem para fazer uma grande prova no Dauphine.

Richie Porte (BMC)

Porte vem se destacando nos GrandTour da temporada. Atualmente ele é o segundo favorito ao título, atrás de Froome. O Dauphiné será uma oportunidade fundamental para mostrar que ele está pronto para oferecer uma ameaça genuína à hegemonia de Froome e não apenas ser o melhor do resto.

COMPARTILHE

Comente