Como seu corpo e sua mente se comportam no ciclismo

Como seu corpo e sua mente se comportam no ciclismo

Pedalar deixa você mais ativo, inteligente e com um coração mais forte. Veja se você também tem essas sensações quando sai para treinar!

Você olha para a bicicleta

Seu cérebro tem capacidade de identificar as fontes de prazer do seu corpo. Por isso, apenas olhar para sua bicicleta pode gerar uma sensação de felicidade. Programar um treino também gera essas sensações boas, por isso é um esporte tão viciante.

Os exercícios físicos tem capacidade de nos deixar de bom humor por causa da liberação de endorfina no sangue.

No primeiro minuto

Sente no selim e comece a pedalar. Tudo muda, é instantâneo. Agora seu cérebro está no modo “fuga” e você sente vontade de aumentar o ritmo. É por isso que o aquecimento é tão importante, se você começa a pedalar forte logo no início a fadiga logo aparece.

Primeiros 10 minutos

Já aquecido, seu coração bombeia sangue para os músculos. É agora que o controle se faz necessário para o treino ser bem aproveitado.

Eu preciso mesmo subir?

O treino está fluindo bem até que chega naquela subida. Esse esforço significa que seus músculos começam a se contrair mais rápido para produzir energia suficiente, o coração acelera e a respiração fica mais rápida.

Na medida em que sobe, você sentirá que seu core também está trabalhando mais duro. É por isso que treinar abdômen, braços e costas também se fazem necessários no ciclismo.

Uhuull

Depois da subida, sempre tem uma descida e aí o sorriso abre no rosto. Sua frequência cardíaca diminui assim como a respiração, você se sente melhor. Nesse momento, não pare de pedalar, continue mesmo em ritmo mais lento, o oxigênio não pode deixar de chegar até os seus músculos.

Apesar das suas pernas estarem “descansando” por alguns minutos, seu cérebro agora está mais atento que nunca.

Pausa para o café

Hora que todos esperam. A cafeína tem papel importante no treino pois ajuda na queima de gordura. A dose ideal depende do seu peso (e sua tolerância à cafeína), mas a média é 60 mg.

 

Opa! Cãibras…

Todo esforço pode gerar cãibras e nem os pesquisadores sabem o que exatamente desencadeia esse mal, mas tem pode-se evitar. Hidrate-se bem e alongue-se.

Que saco!

Eu odeio essa trilha, odeio essa bicicleta, odeio meu parceiro. Quem nunca pensou isso durante o treino ou prova? Isso pode ser efeito do cansaço e nada mais. É nessa hora mastigar alguma coisa vai ajudar. Leve sempre algo para se alimentar e coma quando se sentir cansado, talvez seja essa fonte de energia que estava faltando.

Consegui!

Quando você termina o treino e desce da bicicleta, a sensação ainda é de grande euforia. Se você tem essa sensação, é um sinal que seu treino foi ótimo!

A primeira coisa a fazer após o término é se alimentar. Ingira carboidratos e proteínas na primeira hora depois do treino e nunca se esqueça de se hidratar muito. As próximas horas seus músculos usarão para se recompor e seu metabolismo continua acelerado, é normal.

O dia seguinte

Você acordará descansado pois terá dormido muito bem. Continue se alimentando adequadamente e procure consumir coisas saudáveis. Seu corpo já diminuiu bem os níveis de endorfina e, após o descanso, você sentira vontade de pedalar novamente.

COMPARTILHE

Comente