Specialized S-Works Roubaix com suspensão de Peter Sagan na Paris Roubaix 2017

Specialized S-Works Roubaix com suspensão de Peter Sagan na Paris Roubaix 2017

Peter Sagan correu a Paris Roubaix com a nova Specialized S-Works Roubaix 2017 com o sistema de amortecimento Future Shock, mas sem os freios a disco como é originalmente a bike. Veja a galeria abaixo com fotos de Dan Gould.

Além de Sagan, o atleta belga Tom Boonen da equipe Quick Step também correu com a Specialized S-Works Roubaix, porém com um design de pintura diferente da bike de Sagan e também sem freios a disco.

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Selim Specialized Romin Pro e canote da PRO.

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Uma fita aderente é utilizada no suporte de garrada para literalmente segurar a garrafinha.

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris RoubaixA equipe Bora-Hansgrohe tem usado em toda a temporada os medidores de potência da 4iiii.

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Future Shock bem visível abaixo da mesa, tecnologia que amortece impactos sem perder rendimento e com 3 molas para escolha do atleta.

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Para a Paris Roubaix Peter Sagan escolheu o Shimano Dura Ace mecânico.

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Rodas Roval CLX 50 com pneus Hell of the North Tubular

Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris Roubaix Specialized S-Works Roubaix 2017 de Peter Sagan na Paris RoubaixFita de guidão da Supacaz, desenhada na Califórnia.

COMPARTILHE

Comente