Equipe BMC vence contrarrelógio com velocidade média de 58,3km na Tirreno-Adriático

Equipe BMC vence contrarrelógio com velocidade média de 58,3km na Tirreno-Adriático

Rolou nesta quarta-feira, 8 de março, a abertura da Tirreno-Adriático 2017 que completa esse ano 52 anos de existência no mundo do ciclismo! E tivemos uma velocidade incrível na etapa de contrarrelógio por equipes, chegando quase nos 60km/h.

A equipe BMC que foi a grande vencedora da etapa 1 da Tirreno-Adriático, fez uma média horária de 58,3km/h no percurso de 22,7km que foi feito em 23 minutos. Em segundo ficou a equipe QuickStep-Floors que fez um tempo de 16 segundos a mais na classificação e em terceira foi a equipe espanhola Movistar.

Veja os melhores momentos da etapa abaixo:

O destaque do dia também ficou com o atleta da equipe Sky, o italiano da Sky Gianni Moscon sofreu um acidente bem bizarro durante a etapa quando pedalava em uma reta, e a roda dianteira entrou em colapso e se partiu em vários pedaços. Veja a notícia completa no link: https://goo.gl/jSUT2r

Veja a classificação das equipes após a etapa da Tirreno-Adriático: 
1 BMC Racing 0:23:20
2 Quick-Step Floors 0:00:17
3 Movistar Team 0:00:22
4 FDJ m.t.
5 Orica-Scott 0:00:25
6 LottoNL-Jumbo 0:00:40
7 Lotto Soudal 0:00:52
8 Bahrain-Merida 0:00:53
9 Dimension Data m.t.
10 Astana 0:00:55

Foto capa: Tim de Waele/TDWSport.com

COMPARTILHE

Comente

  • Reginaldo Rossini

    Nossa, isso porque a roda era Xipa!!!