Com pedras e novos trechos, pista da Copa Internacional de MTB 2017 traz novidades

Com pedras e novos trechos, pista da Copa Internacional de MTB 2017 traz novidades

Um bom percurso de mountain bike reúne força, técnica e diversão para o atleta. E é isso que a organização da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB Levorin) busca todos em anos. Em Araxá, a pista que foi construída ao longo de 14 anos, passa por pequenas alterações a cada edição, o que faz com que o percurso esteja em constante evolução. Este ano a equipe da CIMTB Levorin colocou novos obstáculos, retirou alguns trechos e adicionou outros. A pista está com 5,7 km. A etapa de Araxá acontece entre os dias 3 e 5 de março e está com as inscrições abertas.

Quem conhece a pista desde a primeira edição do evento na cidade, percebe que ficou mais rápida e técnica. Isso foi o que disse o atleta Luis Octávio Cambraia Rodrigues. “Apesar de ter cortado a parte do bosque logo na largada, a pista irá seguir no asfalto, passando por dois pequeno desvios antes do apoio. Logo em seguida entrará no parque de aventuras onde o solo está bastante compactado por causa das chuvas, aumentando assim a velocidade”, afirmou.

O competidor também percebeu que a novidade irá dificultar a vida dos atletas. “A novidade deste ano foi a remodelada na famosa descida da cerca, onde foram criados obstáculos dificultando a vida dos atletas. Por lá só passarão as ‘feras’. Para os menos corajosos, terá um desvio mais fácil, porém mais lento. A pista está perfeita, limpa e bem marcada. A organização está de parabéns”, comentou.

O organizador da CIMTB Levorin, Rogério Bernardes, está satisfeito com o resultado do trabalho feito pela equipe. “A pista de Araxá é espetacular. Ao logo destes anos estamos a deixando cada vez mais fluída para dar um ritmo divertido aos atletas de todas as categorias. Aos poucos estamos inserindo trechos técnicos e a tendência é que no ano que vem a pista esteja ainda mais desafiadora”, completou.

 

COMPARTILHE

Comente