Mountain Bike brasileiro está muito próximo da segunda vaga para as Olimpíadas

Mountain Bike brasileiro está muito próximo da segunda vaga para as Olimpíadas

Dez dias antes de fechar o Ciclo Olímpico, os atletas brasileiros somaram 114 pontos para o Ranking das Nações através da 2º etapa da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB Levorin). O evento aconteceu em São João del-Rei, entre os dias 13 e 15 de maio.

Com isso, o Brasil ocupa o 13º lugar no ranking e está cada vez mais perto de manter ou subir uma posição e conquistar mais uma vez na história do mountain bike brasileiro, duas vagas em Jogos Olímpicos.

Henrique Avancini está com a vaga garantida nos Jogos do Rio 2016 depois de ganhar um campeonato continental, o Pan-americano de mountain bike em 2015. Com 864 pontos no ranking da UCI, ele afirma que os pontos na CIMTB Levorin, foi um grande passo para garantir a segunda vaga. “Era necessário pelo menos um atleta dos três vencer a prova e os outros dois estarem bem colocados. O Rubens terminou em 3º e o Pscheidt terminou bem também. A gente conseguiu ter uma boa somatória dos três. Foi um grande passo e agora, a segunda vaga está praticamente concretizada. Temos só mais um fim de semana para manter o Brasil nos top treze. Isso vai depender do meu desempenho na Copa do Mundo, na Alemanha semana que vem, e o desempenho de Rubinho e Pscheidt em uma prova Classe 2 aqui na Argentina”, contou.

Avancini lembrou que nos último Jogos Olímpicos, o Brasil tinha poucas perspectivas. “Em Londres, em 2012, a gente não tinha nem mesmo a certeza de ter um atleta nos Jogos. A gente fez um trabalho emergencial nos últimos seis meses para conseguir entrar nos top 24. Isso mostra como o nível conjunto dos atletas evoluiu no pais. Isso é importante pra gente, para a indústria, para as competições, para o público, pois fomenta o uso da bicicleta. Eu fico muito feliz de participar de tudo isso, de fazer parte desse momento”, contou.

O atleta Ricardo Pscheidt está fazendo um trabalho duro para manter o Brasil na 2º vaga e consequentemente, poder representar o país nos Jogos 2016. Atualmente, com 500 pontos no ranking da UCI, ele afirma que fez uma maratona de competições e apesar de não ter ficado satisfeito com a atuação dele na prova na CIMTB Levorin, o resultado foi bom para o país. “Realmente, o resultado de hoje foi muito bom para o Brasil. Foram bons pontos. Apesar de eu não ter ficado em uma boa colocação, marquei mais alguns pontos. Foi uma boa pontuação e deixou o Brasil bem próximo da segunda vaga. Agora vamos para a Argentina”, disse.

Feminino
Como país sede, o Brasil tem uma vaga garantida tanto para o masculino, quanto para o feminino. Com 1100 pontos no ranking da UCI, Raiza Goulão aguarda a publicação oficial para ter a vaga garantida nos Jogos 2016. “Estou muito feliz. A CIMTB Levorin foi um ótimo aquecimento para a Copa do Mundo. Estou indo fazer uma temporada na Europa. Graças a Deus, fiz um ótimo resultado, carimbando minha vaga, só esperando a publicação oficial”, finalizou.

Classificação Olímpica do Mountain Bike
Ao todo, os homens terão direito a 50 vagas, sendo que 41 delas serão conquistadas através do ranking da UCI e serão divididas da seguinte forma: os 23 melhores países colocados no ranking mundial se classificarão para o mountain bike nos Jogos 2016, sendo que, os cinco melhores terão três vagas cada um, os países entre o sexto e 13º lugar conquistarão duas vagas, já aqueles que ficarem entre o 14º e 23º terão uma vaga cada.

Ao grupo feminino serão destinadas 30 vagas, sendo que 25 delas sairão do ranking da UCI. Os oito primeiros países terão direito a duas atletas cada e os nove seguintes, um representante cada. As outras vagas, tanto do feminino quanto do masculino, serão preenchidas através de campeonatos continentais.

Com a realização das Olimpíadas entre os dias 5 e 21 de agosto, a primeira e a segunda etapa da CIMTB Levorin serão decisivas no número de vagas e representantes na modalidade da competição. O ranking olímpico fechará no dia 25 de maio de 2016.

Foto: Thiago Lemos

COMPARTILHE

Comente