Seleção Brasileira de MTB já está na Argentina para disputar o Pan-Americano 2016 de MTB XCO

Seleção Brasileira de MTB já está na Argentina para disputar o Pan-Americano 2016 de MTB XCO

Os fãs de mountain bike sabem que na província de Catamarca, na Argentina, estão algumas das rotas mais desafiadoras para se pedalar no continente, por conta do relevo acidentado de terra batida e cascalho. Assim, os principais atletas do continente estarão reunidos para disputar o Campeonato Pan-Americano 2016 de MTB XCO, que começa nesta quarta-feira (30) e se estende até o sábado (3).

A seleção brasileira de MTB está confirmada na disputa e já está em solo argentino, pronta para entrar na trilha. Integram o time brasileiro na competição o atual campeão Pan-Americano Henrique Avancini, Rubens Donizete, Ricardo Pschiedt e Raiza Goulão. Isabella Lacerda que estava relacionada para o torneio foi diagnosticada com dengue na última sexta-feira (25) e com isso irá desfalcar a equipe.

“Esperamos que eles trabalhem bem em equipe para fazer a maior pontuação possível para o ranking da UCI. Eles estão muito focados e determinados. Infelizmente tivemos uma baixa com a Isabella, mas a Raiza está muito bem e estamos otimistas por um bom resultado. O Henrique demonstrou que está muito bem também fisicamente. Rubinho e Pschiedt fizeram uma prova no mesmo percurso no ano passado, então já sabem que irão encarar muita subida, pedras soltas, tempo seco e poeira. Todos precisam de muita atenção à esses detalhes para não perderem tempo com um pneu furado ou uma queda”, conta o técnico Carlos Polazzo

O principal objetivo dos atletas na competição é somar pontos no ranking mundial que leva aos Jogos Olímpicos do Rio2016. De acordo com os critérios de classificação da UCI (União Ciclística Internacional) para o evento no Rio de Janeiro, os cinco países que lideram o ranking olímpico tem direito à três vagas, do 6º ao 13º colocado serão disponibilizadas duas vagas e do 14º ao 23º haverá apenas um representante.

Com o Brasil em 12º lugar no ranking olímpico feminino e 14º no masculino, a disputa por uma das vagas está cada vez mais intensa entre os brasileiros, tendo em vista que os três melhores do país pontuam para a nação. Assim, manter uma boa colocação no Pan-Americano garante não apenas pontos significativos no ranking, como aproxima os atletas do sonho de defender o Brasil no maior evento poliesportivo do mundo e com a torcida a favor.

Trabalho e suor

Para Henrique Avancini, que completa 27 anos nesta quarta-feira (30), realizar uma temporada periodizada com foco em provas especificas é fundamental para conquistar resultados expressivos no calendário mundial e buscar uma vaga na equipe que estará representando o Brasil na Rio 2016.

“Esse é um ano em que eu estou guardando um pouco mais de energia para o segundo semestre. Nessa temporada estamos buscando trabalhar de forma mais ascendente e isso vem funcionando bem até o momento. Participei até agora de duas provas, a CIMTB Levorin em Araxá, onde fui campeão, e a Cape Epic, na Africa do Sul, uma prova de 8 dias, principal competição por etapas do mundo, no qual fui 4º colocado geral e ainda fui campeão da última etapa. Estou rendendo acima das expectativas, usei as provas como preparação para ganhar ritmo de corrida e espero continuar nesse embalo para confirmar minha participação na Olimpíada”, contou Henrique Avancini, que é o brasileiro mais bem posicionado no ranking mundial (18º colocado).

A ciclista Raiza Goulão, 25 anos, que atualmente fez história para o MTB brasileiro ao aparecer na 17ª colocação do ranking mundial, aposta no clima atípico e nos trechos técnicos para poder alcançar um bom resultado para a equipe brasileira. “Estou com boas expectativas para o Pan. Ainda não pedalei na pista, mas disseram que é muito dura e com vários trechos técnicos. Particularmente gosto desse tipo de pista e já competi em Catamarca, então conheço bem o clima, bastante semelhante ao da minha cidade em Pirenópolis (GO). O objetivo principal será conseguir superar o resultado do ano passado (10º lugar) e brigar por uma medalha para o Brasil”, declarou Raiza.

raiza goulao no pan-maericano de mtb 2015 na colombia

O Brasil também será representado no Pan-Americano por Luiz Cocuzzi, atual campeão da prova de XCE, Sherman Treza, Frederico Mariano, Guilherme Gotardelo, Leonnardo Botelho, Peterson Neves e Carlos Olimpio na elite masculina, Viviane Favery, Sofia Subtil e Luana Machado na elite feminina. Relação de atletas inscritos nas demais categorias pode ser acessado no link https://goo.gl/AkwuZK

ASSESSORIA DE IMPRENSA – CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO – Fotos: Maximiliano Blanco/CBC

COMPARTILHE

Comente